Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Luta pelo que te faz bem

por aesperaparavoar, em 28.02.17

Por vezes acontece sentires que estás perdida e que precisas de te (re)encontrar. Não estás realmente perdida porque a tua essência continua lá, mas há algo que não está bem, que não percebes e que aos poucos sentes que te está a vencer. Pontas soltas, mal resolvidas, coisas que talvez pensaste ter esquecido mas que continuam presentes em ti. Coisas que quiseste arrumar sem antes as teres processado devidamente.  Talvez seja agora que deves parar para pensar no que realmente te move, no sentido que queres dar à tua vida, na direção que gostavas de seguir.Talvez seja o momento de te resolveres contigo e com a vida, de ultrapassares (sem nunca ignorar) as tuas fraquezas, de juntares as pedras que se colocam no teu caminho como obstáculos e fazeres com elas uma estrutura que te impulsione a subir mais alto.Talvez esteja na hora de redefinires o teu caminho, de te focares, de olhares em frente de cabeça erguida.Talvez seja agora o momento certo para pores de parte as tuas inseguranças, para te abstraíres daquilo que te faz mal e para gritares, dentro de ti, que mereces ser feliz e és capaz disso. 

 

Resultado de imagem para pedras no caminho tumblr

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:17

Tenta sempre mais uma vez. Por ti. 🦋

por aesperaparavoar, em 25.02.17

Não tenhas medo de ser quem és, como és. Não tenhas vergonha dos teus sonhos, nem desistas deles mesmo que te digam que não és capaz. Ao longo da tua vida muita gente vai tentar desmoralizar-te, dizer-te que não não irás conseguir, que já é tarde ou que deves desistir. Muitas vão ser as pessoas que não vão acreditar em ti e que vão tentar fazer-te duvidar também das tuas capacidades. Quando isso acontecer, independentemente da razão ou das razões, não desistas de acreditar, porque nada na vida é em vão, porque és mais forte do que pensas, porque tudo acontece quando tem de acontecer, embora por vezes isso nos pareça uma eternidade. Tenta sempre mais uma vez. Só por ti. Porque tu mereces e porque os outros podem não acreditar, mas TU acreditas. Insiste, confia, e se caíres, terás de aprender a levantar-te.

 

Imagem relacionada

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:24

Desistir?

por aesperaparavoar, em 22.02.17

Por norma costumo dizer que não devemos desistir. Que devemos lutar sempre. Que não devemos deixar que o medo ou o facto de parecer impossível nos afaste dos nossos objetivos. Que quando se trata da nossa felicidade devemos esgotar todas as possibilidades primeiro. Sim, é verdade, de facto é isso que eu acho, mas, hoje falo-vos de desistir. Isto porque há alturas em que é preciso (saber) desistir. Eu aprendi isso e hoje percebo que é um sinal de maturidade saber quando não devemos insistir mais. Isto porque, por vezes, algo que era suposto trazer-nos felicidade acaba por nos trazer mais momentos infelizes do que o contrário. E porque acho que quando insistimos demasiado em algo e constantemente as coisas não correm como suposto, talvez isso queira dizer que não é o momento, ou que o nosso caminho realmente não passa por ali. E não é sinal nenhum de fraqueza desistir do que nos faz mal, do que perdeu o sentido, do que percebemos que não é o melhor para nós, mesmo que achássemos que sim. A vida também nos obriga a isso. E é (também) isso que nos ajuda a crescer, a fortalecer, a aprender, a tomar uma atitude e a arrumar as coisas dentro de nós. Ao longo do nosso percurso vamos cruzar-nos com muitas pessoas, umas ficam e uma parte dessas está lá para nós venha o que vier, independentemente dos erros, das escolhas mal feitas ou das atitudes menos felizes, elas estarão lá para nos apoiar, para nos ajudar a levantar, para que possamos aprender e partilhar com elas, outras vão (e, algumas dessas, ainda bem!), nem todas as pessoas vão gostar de nós, e vai acontecer também que algumas não gostem de nós da mesma forma como nós gostamos delas. Temos de aceitar. Se dói? Por vezes (maior parte das vezes) sim. Mas é mesmo assim, faz parte, e temos de nos habituar, porque na vida há coisas que nos vão custar a entender e outras que nunca entenderemos. Porque no final de tudo aprendemos sempre, quanto mais não seja, tornamo-nos mais fortes. 

 

Resultado de imagem para mar tumblr por do sol

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:37

Pensamentos positivos atraem boas energias 🍀

por aesperaparavoar, em 19.02.17

Não tenhas medo de errar, de cair, de fraquejar. Não tenhas medo de arriscar, de tentar, de fazer a tua escolha. Confia em ti, nas tuas capacidades e acredita que, mais tarde ou mais cedo, tudo se ajeita. Mas, se tiveres medo, vai na mesma. Supera-te, e não deixes nunca que o medo te roube oportunidades para sorrir, para aprender, para viveres. Pensamento positivo, força de vontade e determinação. Tu consegues.

 

Resultado de imagem para trevo tumblr

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:32

In "O Primeiro Voo" #5

por aesperaparavoar, em 18.02.17

Fico novamente sozinha neste espaço fechado, apenas na companhia dos enfermeiros. Pergunto-lhes o que estão aqui a fazer mas fazem de conta que não me ouvem. Grito-lhes, mas mantêm-se serenos como se nada fosse. Os dois estabelecem um olhar cúmplice e agarram-me com força.

– Larguem-me! Estão a ouvir? Parem seus brutamontes! Deixem-me, o que é que estão a fazer?

Não me respondem. Apoderam-se de mim sem pedir qualquer autorização. Tentam imobilizar-me, mas eu debato-me contra eles e contesto o que me estão a fazer. Apesar de tudo, não consigo evitar. Eles introduzem a seringa no meu corpo. A partir daí paralisei. Aquela seringa veio acalmar-me as memórias. O líquido no seu interior penetrou no meu braço e trouxe-me a sensação de dormência, desarmei, a minha incapacidade ficou ainda mais exposta. Permito-me pousar a cabeça na almofada sem me manifestar mais. Fico calada, imóvel, na esperança que os sedativos me levem para longe desta dor gritante que se ocupou de mim. Possivelmente é assim que estas coisas funcionam, quando não conseguem acalmar-nos, tentam estagnar o nosso sofrimento.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:14

Eu penso assim #4

por aesperaparavoar, em 15.02.17

Todos nós temos momentos menos bons ou menos felizes, momentos de fraqueza, de dúvida, de insegurança, de "não sei se deva" ou de "será que faço bem?", momentos em que nada parece ter sentido e em que nos sentimos perdidos. Por vezes precisamos apenas de "10 segundos" para respirar fundo e voltar a caminhar em frente, mas, outras vezes vezes precisamos mesmo de uma pausa, de descansar do mundo, de parar. E isso não é ser fraco nem tão pouco significa baixar os braços. Aliás, é muitas das vezes em momentos assim que nos reencontramos, que nos damos aos outros e arriscamos dizer "preciso de ti", que sorrimos ao ser abraçados por quem nos quer bem independentemente de tudo, que falamos sem receio de ser julgados, que ganhamos coragem e recuperamos forças, que fazemos as pazes com a vida e até connosco. Que somos nós mesmos, sem rodeios. Que sentimos mais. E que recomeçamos. De coração cheio e alma firme. 

 

Resultado de imagem para leveza tumblr

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:33

Sobre o amor

por aesperaparavoar, em 15.02.17

Ela era insegura e irrequieta. De sorriso fácil. Sonhadora. Era feliz mas (ainda) não sabia o quanto. Ele era um rapaz pragmático que adorava deixá-la sem jeito. Fazê-la sair da sua zona de conforto, desmontar-lhe as incertezas e admirar-lhe o sorriso e o brilho do olhar. E quando estavam juntos ela arriscava. Ele tinha a capacidade de a fazer sentir essa liberdade. E eles riam, brincavam e conversavam sobre tudo, mesmo que esse tudo às vezes fosse vago e parecesse não fazer sentido, mesmo que fossem apenas desejos ou devaneios de quem sonha, ou tolisses ditas da boca para fora. Às vezes a vida tem destas coisas. Às vezes o amor acontece assim. Sem que se dê conta ou que se procure. 

 

Imagem relacionada

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:03

Não me canso de ouvir #4 | Kodaline - High Hopes

por aesperaparavoar, em 13.02.17

Como já faz algum tempo não falo de música aqui no blogue, hoje partilho convosco uma música (High Hopes) que, embora não se possa considerar recente, tenho ouvido bastante. Kodaline é uma banda que adoro e que ouço muito frequentemente. “In a Perfect World” (2013) e “Coming Up for Air” (2015), os dois álbuns desta banda irlandesa, conquistaram-me e consquistaram também um vasto público que lhes garantiu um lugar de destaque nos tops mundiais. Mas, em 2017 os Kodaline estão de regresso a Portugal para atuar na 11.ª edição dos NOS Alive (8 de Julho), trazendo com eles a promessa de um novo trabalho discográfico a lançar ainda este ano. Venha ele!

 

"(...) Yeah but I've got high hopes

It takes me back to when we started

High hopes, when you let it go, go out and start again

High hopes, oohh when it all comes to an end

Now the world keeps spinning

Yeah the world keeps spinning around (...)"

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:05

Eu penso assim #3

por aesperaparavoar, em 11.02.17

Os caminhos que percorreste, as lutas que travaste, os sonhos que arriscaste concretizar, os momentos em que ousaste sair da tua zona de conforto, nada é em vão. Mesmo que as coisas não tenham corrido como esperavas, ou como gostavas, mesmo que tudo te pareça apenas um erro ou uma tentativa falhada, lembra-te que na vida nem sempre triunfamos, mas que, mesmo quando tudo indica que perdemos, há sempre algo que ganhamos. Afinal de contas, no fim, apesar de todas as dúvidas, dos receios e das incertezas, das decisões difíceis e dos momentos menos felizes, tu aventuraste-te. E sabes, deves sentir orgulho em ti, porque tu não te limitaste a sonhar, tu tentaste, acreditaste, seguiste em frente, foste em busca e aprendeste, e a isso chama-se viver. Não tenhas medo, vive. 

 

Resultado de imagem para vida tumblr

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:03

Nunca sabes o que te espera

por aesperaparavoar, em 08.02.17

Trazes contigo uma bagagem que carregas para onde quer que vás. Nela seguem pensamentos, histórias, olhares, sentimentos, experiências, pessoas e sonhos a que nunca ninguém, por melhor que te conheça ou acha que conhece, vai ter acesso por completo. Trazes contigo o mundo, tal qual como o vives e sentes, trazes os sentimentos, uns mais felizes que outros, as dúvidas, as incertezas, a inquietude e o frenezim de uma vida. E tu não sabes o que o amanhã te reserva, nem sequer o hoje que ainda não terminou. Fazes mil e um planos, imaginas diferentes cenários e situações hipotéticas, mas tu não sabes o que o futuro tem guardado para ti. Ainda assim, tu vives sempre na esperança que tudo corra como desejas, como sonhaste e como seria esperado acontecer. Gostava que soubesses que, por vezes a vida te prega partidas e te obriga a mudar de rumo, a alterar os planos e a tomar decisões inesperadas, mas que nada, ou muito pouco, é à toa. Os caminhos que trilhas, as pessoas que contigo se cruzam, os "azares" e aquelas coisas que às vezes te parecem "o pior que te poderia ter acontecido" têm uma razão de ser, mesmo que nem sempre a consigas ver ou entender. Costumam dizer que pensamentos positivos atraem coisas boas e que, quando é para dar certo até os ventos sopram a favor, portanto, ergue a cabeça e segue em frente. Quem sabe aquilo que um dia julgaste ser "o pior" se revele, um dia, "o melhor" que te aconteceu. 

 

Resultado de imagem para viver tumblr

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:47

In "O Primeiro Voo" #4

por aesperaparavoar, em 06.02.17

 Fui muito querida no sítio onde nasci que, em rigor, é o mesmo onde cresci. Tenho um sorriso fácil, sempre tive. Se olhar para trás, sorrio. Passou tudo tão rápido. As lembranças chegam, um pouco fragmentadas, mas chegam. E são esses fragmentos impetuosos do meu passado que me despertam mais emoções. Não sabia o que era estar apaixonada. Acho que nunca me tinha apaixonado a sério. Não me sinto estúpida ao dizê-lo. O Fréderic foi a primeira pessoa que despertou em mim um sentimento verdadeiramente diferente, ímpar. Talvez a forma inesperada como nos conhecemos tenha contribuído, ainda que provavelmente tenha sido a maneira dócil como me tratou depois disso o contributo principal para me ter apaixonado por ele. Sempre tão carinhoso, tão prestável. Acho que era disso que eu estava a precisar, de carinho. Não me apaixonei, fui-me apaixonando, de dia para dia, mas não queria assumir. Pareceu tudo tão leviano, mas o facto é que as coisas foram acontecendo. Conversei muito com ele sobre mim, ele confessou-me várias coisas sobre ele, mas sempre com algumas reservas. Acho que era esse mistério que me cativava verdadeiramente nele. E o mais fascinante é que no meio de tudo, eu achava que ele me amava, mais ainda, eu sentia-me amada por ele. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:03

Acredita

por aesperaparavoar, em 05.02.17

O teu caminho nem sempre será fácil, nem sempre será tão previsível como planeavas ou tão claro como gostarias. Vão existir dias bons e dias maus, imprevistos de última hora e decisões difíceis de tomar, bem como escolhas que terás de fazer. Nunca sabes realmente o que te espera, mas, podes sempre fazer tudo o que estiver ao teu alcance para seguir um rumo, aquele que desejas, que sentes que é o melhor para ti, aquele que te enche o peito de alegria e que faz os teus olhos brilharem. Vai, sem medos, sem pensares demasiado, sem muitos planos. Vai ao encontro do que te faz feliz. Não permitas que te digam que não és capaz, que não és suficiente, porque tu podes muito mais do que imaginas, porque, se fôr mesmo para ser será, porque a vida arranja sempre uma forma de se ajeitar e porque tu tens forças guardadas onde nem sequer nunca imagináste que as poderías ter. Tu és capaz. Acredita. Vai, não desistas de ti. 

 

Resultado de imagem para caminhos tumblr

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:14

Descomplica

por aesperaparavoar, em 01.02.17

Aos poucos a vida vai-se encarregando de te mostrar novos caminhos quando já nenhum outro parece resultar, de te dar uma lufada de ar fresco quando a realidade se mostra tão difícil, de te encorajar a seguir em frente, de colocar pessoas-chave no teu caminho, de te dar certas respostas e de te fazer perceber coisas que pareciam tão complicadas de entender. Mas a vida não pode fazer tudo por ti. És tu quem tem de tomar uma atitude, quem tem de confiar e não se deixar ficar para trás, és tu quem tem de procurar interpretar os sinais que a vida te vai dando, és tu que tens de deixar ir o passado e viver o presente com vontade de vencer, de vencer os obstáculos e as amarras, de vencer os medos e as incertezas, de te desapegares daquilo que te faz mal, que impede o teu sorriso, a tua paz, e que sigas em frente. És tu quem tem de ter a coragem de arrumar o passado e recomeçar. Porque os recomeços abrem espaço para que possas, a partir do teu ponto de partida, desfazer-te de todos os pesos que te carregam, que te fazem duvidar e te tiram a esperança, para que possas passar a viver a vida de um jeito mais leve e ver o mundo de uma forma menos cinzenta. Podes vacilar, podem haver momentos menos bons, mas a partir do momento em que aprendes a descomplicar, a confiar e ter fé no que está por vir, percebes que és capaz de tudo, de sonhar, de lutar, de concretizar, de te manter firme, de ser feliz e de sorrir para a vida como desejas que ela sorria para ti. 

 

Imagem relacionada

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:09


A blogger


Os meus livros


Pensamento da semana


Leituras do momento


O blogue no facebook


As nossas visitas



Algumas parcerias




Deixe-me a sua mensagem

Web Analytics

O que já está para trás

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D